Tome uma decisão duradoura

por Ludvig Sunström, o original está aqui.

Tradução: Daniel Castro.

lasting decisions

CPF > Tomada de decisões > Manter a decisão > “Decisão duradoura” > Integridade > Auto estima

Ciclo virtuoso do Córtex Pré-frontal:

(Este ciclo virtuoso é preciso para quase tudo que se refere a experiências e a criação de uma espiral ascendente.)

Tomar uma decisão duradoura é um meio excelente de praticar a ativação do CPF ao manter seu foco em um objetivo por um tempo determinado.

Isto começa com a decisão de fazer algo não importa o que vier depois. Não importa muito o que você vai decidir, desde que você se mantenha seguindo-a. A coisa importante é deixar bem claro para seu cérebro que isto é um compromisso sério.

Vou conseguir isto quer chova ou faça sol – não há plano B ou desistências. Uma vez que você tomou a decisão você já passou do ponto onde poderia retornar e deve fazer tudo em seu poder para fazer aquilo acontecer.

Alguns exemplos da vida real

Você pode decidir terminar de ler um livro antes de se permitir ir dormir, escrever uma certa quantidade de palavras para seu artigo antes de se permitir desistir, ou ficar sem comer um dia inteiro (ou dois se você for foda).

Digamos que você tomou a decisão duradoura de jejuar por um dia inteiro.

Vai ser fácil no começo do dia e você não terá problemas em manter o foco e, seguir a decisão. Mas durante a segunda parte, a menos você esteja acostumado a jejuar, você receberá uma resposta enormemente negativa do seu corpo te mandando desistir e ceder a suas urgências.

Seus hormônio irão manipular seus pensamentos e você começará a duvidar se consegue manter a decisão ou não.

Logicamente você sabe que se escolher comer algo você estará ferindo sua integridade, e você sofrerá a longo prazo. Este é o momento decisivo quando seu zelo será testado. Você vai sobrepujar suas vontades de gratificação instantânea e talvez cair em pilo automático, ou você perseverará e construirá sua integridade?

Assim é o processo diário de desenvolvimento pessoal.

A única coisa que eu percebo ser diferente sobre mim [comparado a pessoas normais] é que eu não tenho medo de morrer em uma esteira.

Ninguém vai trabalhar mais que eu, ponto. Você pode ter mais talento que eu, pode ser mais esperto, mais sexy, pode se tudo isso, melhor que eu em nove categorias. Mas se subirmos em uma esteira juntos, podem acontecer duas coisas: Você sai antes, ou eu morro. É simples assim, certo?

Você não vai trabalhar mais que eu. É um conceito tão simples, básico. O cara disposto a trabalhar mais vai ser o cara que pega aquela bola solta. A maioria das pessoas não estão chegando aonde elas querem ou não conseguem o que querem neste negócio não estão trabalhando duro o suficiente.

É puramente baseado na atividade. É estritamente baseado em trabalhar menos; é estritamente baseado em perder oportunidades cruciais. Eu digo o tempo todo que se permanecer pronto, você não precisa ficar pronto.

–Will Smith

Isto é uma decisão duradoura.

Quando você toma uma decisão duradoura você inicialmente se sente com poder – porque você está ativando seu cérebro (o córtex pré-frontal). Tão logo isto aconteça você deve ancorá-lo, memorizando a sensação, e manter o foco nela o tanto quanto você consegue. Com prática você será capaz de sustentar seu foco e manter a sensação por mais tempo antes de sentir o puxão da homeostase tentando se manter e fazer você desistir.

Lembre-se – você escolheu isto. Aconteceu por sua própria vontade. Toda a dor que vem com a escolha é boa. Ela promoverá o crescimento. Você tomou a decisão já sabendo disto. Não desista.

Tudo se resume a manter o foco e ser capaz de manter uma intenção específica em sua mente por um dado período de tempo.

Outros exemplos

“Hoje eu manterei um humor positivo durante todo o dia. Eu não deixarei nada afetar meu estado emocional negativamente; Eu não sairei do estado mental em que estou agora.”

Ou:

“Hoje eu vou continuar por cinco minutos a mais não importa o que aconteça. No segundo que eu me sentir cansado vou me forçar a continuar por pelo menos mais cinco minutos. Quando eu quiser parar de trabalhar vou continuar por no mínimo mais cinco minutos.”

Ao fazer estas coisas você não estará somente melhorando sua chance de implementar estas grandes mentalidades como hábitos, mas também estará exercitando seu CPF ao manter seu foco e ignorar tudo o mais.

Seth Godin, em seu livro The Dip, disse uma das coisas mais espertas da história sobre tomar uma decisão duradoura:

Quando a pressão é maior para se comprometer, desistir ou aceitar algo, seu desejo de desistir deve sr o menor. A decisão de desistir é muitas vezes tomada no momento. Mas este é o tempo errado para tomar uma decisão crítica destas. O motivo pelo qual muitos de nós desistem durante o Dip (NT.: algo como vale, ou ponto mais baixo de uma trajetória) é que sem compasso ou plano, a coisa mais fácil a se fazer é desistir. Embora este possa ser o caminho mais fácil, é também o menos bem sucedido.

Somente desista se você tiver um motivo muito bom ou for premeditado. Nunca desista por motivos de curto prazo e pânico.

Anúncios
Esse post foi publicado em Motivação e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Tome uma decisão duradoura

  1. Pingback: Como escrever seus objetivos para o ano novo | Nuvem de giz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s