Os Absortos

Por Quintus Curtius, o original está aqui.

Tradução por Daniel Castro

engross1

Sêneca tinha uma palavra para aqueles consumidos com a perseguição a riquezas materiais, negligenciando tudo o mais.  Ele os chamava de occupati, o particípio do verbo occupare.  Eles ficavam tão ocupados nesta busca obsessiva e única pelos fantasmas da prosperidade que eles nunca reservavam tempo para eles próprios. A palavra occupati significa absorto, preocupado ou obcecado. E eu penso que esta palavra é uma descrição apropriada.

Todos conhecemos esse tipo de pessoa. Eles pensam que entendem tudo sobre o mundo. Isto é, até estarem em um cama de hospital devido a um ataque cardíaco. Eles gastaram todo seu tempo acumulando riquezas, sem pensar em como aproveitá-las. O quão mais alto eles sobem na escada econômica, mais furiosa fica a busca pela riqueza e prazer se torna, até que eles chegam próximos ao topo. E então vem a queda: que sempre vem. E quanto maior a altura, maior a queda. Marilyn Monroe– uma observadora muito mais astuta do comportamento humano do que se pensa– uma vez disse, “a gravidade alcança a todos nós.” Ela alcança.

Geralmente não faz bem tentar explicar coisas para Os Absortos. Eles vão rir como o gato de Cheshire ri para você, arrogantes no conhecimento de que é você quem está iludido. Filosofia, eles pensam, é uma perda de tempo. Tudo o que importa é acumular o máximo de coisas que você puder, e isso é tudo. Tudo o mais é conversa. E quando eu escuto esse tipo de fala, eu não respondo. Porque eu sei que o mundo irá ensiná-los muito mais efetivamente do que eu poderia.

Não é necessário dizer que Os Absortos não entendem o conceito de tempo. O tempo tem três divisões: passado, presente e futuro. Todas elas têm seus propósitos. Os Absortos não leem muitos livros, e por isto têm pouco senso de história. E não ter conhecimento do passado é como andar pela vida com uma venda nos olhos. Você não entende a real profundidade das coisas, ou como elas se interrelacionam. O presente é de vários modos nada exceto o passado enrolado em um pacote grande que carregamos em nossas costas. Às vezes você tem de parar e ver o que está dentro de sua mochila.

Continuar lendo

Anúncios
Publicado em Filosofia | Marcado com , , | Deixe um comentário

A Violência é Dourada

por Jack Donovan, o original está aqui.

Tradução por Daniel Sender, publicada originalmente aqui.

"Or Else What?" - (Photo submitted by a reader.)

Ou então o que?

Muitas pessoas gostam de pensar que são “não-violentas.” Geralmente dizem “abominar” o uso da violência, e ela é vista de forma negativa pela maior parte delas. Muitos falham em diferenciar entre a violência justa e injusta. Alguns tipos vãos e hipócritas gostam de pensar que foram criados acima da cultura sórdida e violenta de seus ancestrais. Eles dizem que “a violência não é a resposta”. Dizem que “a violência não resolve nada”.

Eles estão errados. Cada um deles confia na violência diariamente.

No dia da eleição, pessoas de todas as esferas da vida formam fila para irem às urnas e, ao fazerem isso, esperam influenciar em quem empunhará o machado da autoridade. Aqueles que querem acabar com a violência – como se isso fosse possível ou desejável – freqüentemente procuram desarmar seus concidadãos. Na realidade, isso não acaba com a violência. Meramente dá à máfia do Estado um monopólio sobre ela. Isto torna você mais “seguro”, desde que não irrite o chefe.

Todos os governos – de esquerda, direita ou outro – são, por sua própria natureza, coercivos. Eles têm de ser.

A ordem demanda a violência.

Uma regra que no fim não é apoiada pela violência é meramente uma sugestão. Os Estados contam com leis endossadas por homens prontos a promoverem violência contra os infratores. Todo imposto, código e requisição de licenciamento exige uma progressão crescente de penalidades que, no fim, devem resultar na tomada de propriedade a força, ou no aprisionamento por homens armados, preparados para utilizarem a violência em caso de violência ou desacato. Toda vez que uma mãe de futebol [1] ergue-se e exige penas mais duras para aqueles que dirigem alcoolizados, vendem cigarros a menores, são donos de pit bulls, ou não fazem reciclagem, ela está peticionando ao Estado que ele utilize da força para impor sua vontade. Ela não está mais pedindo gentilmente. A viabilidade de toda lei de família, armas, zoneamento, tráfego, imigração, importação, exportação e regulamentação financeira depende tanto da disposição, quanto dos meios do grupo para exigi-los através da força.

Quando um ambientalista exige que “salvemos às baleias”, ele ou ela está, na realidade, argumentando que salvar às baleias é tão importante que vale a pena fazer mal aos seres humanos que fazem mal às baleias. O ambientalista pacífico está peticionando ao leviatã que autorize o uso de violência no interesse de proteger leviatãs. Se os líderes de Estado concordassem e manifestassem que, de fato, era importante “salvar às baleias”, mas se recusassem a penalizar àqueles que trazem mal a elas, ou se recusassem a impor estas penalidades sob a ameaça de uma violenta força policial ou ação militar, o sentimento expressado seria um gesto sem sentido. Aqueles que queriam trazer mal às baleias sentir-se-iam livres para fazê-lo, como é dito, com impunidade – sem punição.

Sem a ação, palavras são apenas palavras. Sem a violência, leis são apenas palavras.

A violência não é a única resposta, mas é a resposta final.

Continuar lendo

Publicado em Filosofia | Marcado com , | Deixe um comentário

10 Benefícios do Levantamento Terra

por Michelle Kennedy Hogan, o original está aqui.

Tradução por Daniel Castro

O levantamento terra. É o exercício de levantamento de pesos quintessencial. de acordo com David Robson, um fisiculturista, personal trainer e contribuidor do Bodybuilding.com, “Em minha experiência como atleta, e baseado nos resultados de muitos de meus clientes como personal trainer, o levantamento terra, se feito corretamente, vai construir massa sem paralelos enquanto fortalece todos o grandes grupos musculares. Sim, muito dizem que o agachamento é o Rei dos Exercícios, e irá contribuir mais para força e ganho de tamanho muscular que qualquer outro exercício.

“Enquanto é verdade que o agachamento é um dos melhores construtores de massa ( e só por isso deveria estar incluído no treino de todo mundo), o terra, em minha opinião, constrói massa das partes inferior e superior do corpo como nenhum outro movimento.”

O levantamento terra é feito simplesmente segurando sua barra de pesos livres (com o máximo de peso possível – não confortável – que você consiga levantar) e a levantando até estar com a barra suspensa em sua frente, com os braços estendidos [verticalmente, para baixo].

1. Mais Queima de Gordura

Alwyn Cosgrove, um personal trainer e autor, recentemente escreveu sobre um estudo onde: “Pacientes com sobrepeso foram divididos em três grupos: somente dieta, dieta e aeróbicos, ou dieta e levantamento de pesos. O grupo em dieta perdeu 6,6 kg de gordura em média, em 12 semanas. O grupo aeróbico perdeu 7,05 kg, 450g a mais que o grupo somente em dieta (o treinamento acontecia 3 vezes por semana, inicialmente por 30 minutos por sessão e progredindo para 50 minutos ao longo das 12 semanas).

O grupo com treino com pesos perdeu 9,6 kg de gordura (44% e 35% mais que os demais grupos). Basicamente, a adição de treinos aeróbicos não resultou em uma perda significativa extra sobre a dieta sem exercícios.”

Levantar pesos e treino com resistências irá queimar mais gordura que apenas dieta ou dieta com exercícios apenas cardiovasculares.

2. Melhor Postura

Praticar o levantamento terra aumenta a força e estabilidade de seu tronco, de acordo com Robson. O terra estimula todos os músculos responsáveis por sua postura e o habilita a manter suas costas mais retas durante suas atividades diárias.

3. Mais Músculos Estimulados

O levantamento terra estimula mais músculos que qualquer outro exercício, incluindo o agachamento. O levantamento estimula todos os principais grupos musculares, de acordo com o fisiologista Kevin Farley. Se você precisa fazer um exercício, é este. O levantamento terra estimula todo seu corpo, incluindo suas costas.

4. Aumento de Força na Vida Real

Quando você fazer outros exercícios com pesos, como o supino reto, por exemplo, você não estará fazendo algo que você faria na vida real. Quando é que você precisará deitar de barriga para cima e empurrar algo pro ar? — a menos que você esteja ensinando seu filho de dois anos a “voar.” O terra desenvolve os músculos que você realmente precisa para carregar algo, como um balde d’água, sacolas de supermercado pesadas ou a mesa de jantar de seu vizinho.

5. É Seguro

O levantamento terra é um dos exercícios com pesos mais seguros que você pode fazer. Você não corre o risco de ficar preso sob o peso, ou se preocupar se ele vai te puxar para trás. Se você tiver algum problema, você simplesmente o larga… fazendo um barulho alto, certamente, mas sem danos. Você também não precisa de alguém vigiando [para ajudar se você não aguentar] para fazer este exercício.

6. Melhor Pegada

De acordo com Outlaw Fitness: “Levantamentos Terra são reconhecidos por sua capacidade de criar quantidades enormes de força de pegada, e por um bom motivo. Seus dedos são literalmente a única coisa ligando você ao peso na barra. Seus antebraços tem de dar duro conforme você progride e aumenta o peso para impedir que a barra caia de suas mão. Subsequentemente sua força de pegada irá aumentar aos pulos.”

7. Aumenta Hormônios

Não se preocupe, estes não são hormônios que te deixarão emocional. Ao invés disso, ao fazer pelo menos de 8 a 10 repetições de levantamento terra com um peso significativo, você poderá aumentar a quantidade de testosterona e hormônio do crescimento produzidos pelo seu corpo. A testosterona aumenta o crescimento muscular e melhora o reparo muscular enquanto o hormônio do crescimento, que é produzido por sua glândula pituitária, promove a cura de tecidos, força óssea, crescimento muscular e perda de gordura.

8. Barato e Fácil

Muitos exercícios precisam de muitos equipamentos, tênis especiais ou o que quer que seja. Não o levantamento terra. Somente uma barra com pesos. Levante-a. Simples. E às vezes você encontra anilhas e barras usadas sendo vendidas – o que o deixa ainda mais barato.

9. Melhoras Cardiovasculares

Acredite ou não, fazer 10 repetições do Terra irá aumentar sua capacidade cardiovascular. Talvez você precise ter um lugar para sentar preparado quando você terminar!

10. Previne Lesões

O Terra pode prevenir lesões ao aumentar a força de músculos próximos a tendões e ligamentos cruciais. Dar apoio a juntas com músculos fortes é fundamental para prevenir lesões, especialmente na parte posterior da coxa e na lombar, de acordo com a Outlaw Fitness.

Agora vá fazê-lo.

Publicado em Musculação | Marcado com , , | Deixe um comentário

Gordura Abdominal Mata: Como Aumentar seu Risco de ter Câncer

por Lisa Egan, o original está aqui
Tradução por Daniel Castro

Não é segredo que a obesidade é prejudicial à saúde, e estudos recentes acabaram com o mito que alguém pode ser gordo mas fitness.

Também é bem estabelecida a ligação entre obesidade e maior risco de câncer, mas como aquela causa o câncer ainda não foi completamente explicado.

Um estudo recente oferece mais detalhes sobre a associação. Pesquisadores da Michigan State University descobriram que uma proteína específica liberada da gordura corporal pode tornar células não cancerosas em câncerosas.

A pesquisa também descobriu que uma camada mais interna de gordura abdominal, quando comparada à gordura subcutânea, é a provável culpada, liberando ainda mais dessa proteína e encorajando o crescimento do tumor.

É estimado que pelo menos um terço da população seja obesa. E a obesidade é ligada a diversos tipos de câncer, incluindo de mama, cólon, próstata, uterino e renal.

Mas Jamie Bernard, o comandante do estudo e professor assistente de farmacologia e toxicologia, disse que simplesmente ter sobrepeso não é necessariamente o melhor modo de calcular o risco:

“Nosso estudo sugere que o Índice de Massa Corporal, ou IMC, pode não ser o melhor indicador. É a obesidade abdominal, e mais especificamente, níveis de uma proteína chamada fator de crescimento de fibroblastos-2 que pode ser um melhor indicador de risco de células se tornarem cancerosas.”

Há duas camadas de gordura abdominal. A camada superior, conhecida como gordura subcutânea, fica logo abaixo da pele. A camada abaixo desta, chamada de gordura visceral, é a que descobrimos ser mais prejudicial.

No artigo Do You Need a Reason to Stop Drinking Soda? Here it Is ( NT.: Você precisa de motivos para parar de beber refrigerantes? Aqui estão), eu expliquei o que é a gordura visceral e porque ela é tão perigosa:

Gordura visceral – também conhecida como “gordura profunda” – se empacota em torno dos seus órgãos internos, incluindo seu fígado, pâncreas, rins e intestinos. Ela é muito mais perigosa que a gordura subcutânea (aquela que você vê – a “polegada que você pode apertar”). Isto é porque a gordura visceral (cujo nome vem de viscera, que se refere aos órgãos internos do abdômen) afeta como nossos hormônios funcionam e provavelmente tem um papel grande na resistência à insulina – que por sua vez pode aumentar o risco de diabetes tipo dois e doenças cardíacas.

Excesso de gordura visceral também é ligado a um maior risco de câncer, derrames, demência, depressão, artrite, obesidade, disfunção sexual, e problemas com o sono.

Você não necessariamente tem de ser visivelmente gordo para estar em risco. Mesmo pessoas relativamente magras podem ter excesso de gordura visceral, que muitas vezes é referida como gordura abdominal “escondida”.

De volta ao estudo.

Foi assim que Bernard e sua equipe conduziram a pesquisa:

Bernard e seu co-autor Debrup Chakraborty, um estudante de pós-doutorado no laboratório dela, estudaram camundongos que foram alimentados com um dieta rica em gordura e descobriram que essa camada de alto risco de gordura produz grandes quantidades de fator de crescimento de fibroblastos-2, ou FGF2, quando comparada à gordura subcutânea. Eles descobriram que o FGF2 estimula certas células que já seriam vulneráveis à proteína e que as fazia crescer em tumores.

Ela também coletou tecido de gordura visceral de mulheres submetidas a histerectomia e descobriu que quando as secreções da gordura continham mais da proteína FGF2, mais das células formaram tumores cancerosos quando transferidas para camundongos. (source)

O que isso significa?

Bernard explica,

“Isto indicaria que a gordura tanto de camundongos quanto de humanos pode fazer uma célula não tumorigênica se transformar uma tumorigênica maligna.”

Há diversos outros fatores liberados pela gordura, Bernard disse, incluindo o hormônio estrogênio, que poderiam influenciar o risco de câncer, mas muitos desses estudos demonstraram somente uma associação e não uma causa direta do câncer. Ela também afirmou que a genética tem seu papel.

“Há sempre um elemento de probabilidades se uma pessoa terá câncer ou não. Mas ao fazer escolhas mais espertas em questão de alimentação e exercícios, e evitar hábitos negativos como fumar, as pessoas podem sempre melhorar suas chances [de não ter câncer].”

O estudo foi publicado no jornal Oncogene e foi financiado pelo National Institutes of Health.

Publicado em Saúde | Marcado com , , | Deixe um comentário

Pare de Tomar Multivitamínicos

por TC Luoma, o orignal está aqui

Tradução por Daniel Castro

Multivitamínicos são Toscos

A promessa que os multivitamínicos fazem é perfeitamente lógica. Certo, tome uma pílula para ingerir aquilo que você precisar para viver e funcionar bem. Deste modo, presumivelmente você não deveria se preocupar em comer couve orgânica todos os dias. Infelizmente a promessa é vazia.

Multivitamínicos na forma de suplemento, tomados de modo a fornecer necessidades nutricionais pré-determinadas, não funcionam. Nem um pouco.

As Pesquisas Provam

Fortman e seus colegas olharam três pesquisas de multivitamínicos e 24 de vitaminas isoladas ou em par, envolvendo 400.000 participantes. Não havia evidências claras que as pílulas reduziam a mortalidade geral, doenças cardiovasculares, ou câncer.

Do mesmo modo, Lamas e seus associados avaliaram os efeitos de um multivitamínico com 28 componentes em 1.708 homens e mulheres que havia tido infarto do miocárdio anteriormente. Após 4,6 anos, ele não viram diferenças nos índices de mortalidade.

Grodstein e seus colaboradores não tiveram sorte melhor. Eles queriam saber se um multivitamínico ajudaria a prevenir declínio cognitivo em 5.947 homens acima de 65 anos de idade. Após 12 anos de estudos sobre os resultados dos grupos de placebo e multivitamínico, eles determinaram que a resposta era não.

A sociedade, aparentemente, finge que não escuta essa evidência, provavelmente pensando que a cura para a surdez seja tomar um multivitamínico com um pouco a mais de magnésio, porque as vendas dessas pílulas continuam a aumentar. Certamente, há muitas pesquisas que apontam claramente para a eficácia de algumas vitaminas ou minerais específicos na melhora da performance ou saúde, mas as pesquisas sobre multivitamínicos ou multivitamínicos/minerais é inequívoca: Eles não valem a pena.

Porque Multivitamínicos não Funcionam

  1. A filosofia de Panaceia.

É amplamente aceito que existem 24 vitaminas e minerais essenciais à vida humana. Diversas organizações criaram acrônimos (VDR, DRI, etc.) que nos dizem o quanto desses nutrientes precisamos para funcionar bem e viver. O problema é, elas são baseadas numa curva de sino e enquanto podem ser verdade para um funcionário municipal de 68 kg chamado Phil que vive em Akron, Ohio, elas podem não ser verdadeiras para atletas suados, e pessoas maiores ou menores, ou você.

  1. Processo de Manufatura Nojento.

A maioria das vitaminas C e B, por exemplo, são produzidas na China, a vitamina C da mistura de ácido sulfúrico com xarope de milho, e as vitaminas B a partir de alcatrão de carvão e seus derivados. Certamente, existem modos “naturais” de manufaturar vitaminas, mas há boas probabilidades de se você tomar um mulitivitamínico, estar ingerindo coisas um pouco feias.

Enquanto não há provas que tais vitaminas Frankenstein sejam menos quimicamente efetivas ou não que às vitaminas naturais, presumivelmente manufaturas pela filtragem de mangas orgânicas pelas calcinhas de anjas, isto não cheira bem, literal ou figurativamente.

  1. Muitas Possíveis Interações.

Vitaminas A, D, E e K são solúveis em gordura, e assim sendo são melhor ingeridas com comida. Ferro não deve ser ingerido com café ou chá porque taninas interferem na absorção. Do mesmo modo, o ferro interfere com a absorção de zinco e cobre. Vitaminas E e A podem interferir com a K.

E há o problema dos fitatos, que são compostos encontrados em grãos integrais, leguminosas, nozes e sementes. Eles são problemáticos porque interferem na absorção de sais mineirais. Em regiões do mundo onde o consumo de fitatos é alto mas o consumo de carne e frutos do mar é baixo, vemos deficiências minerais epidêmicas se manifestarem na forma de desenvolvimento retardado, deficiências mentais, e hipogonadismo.

O que isso significa é que se você for um dos milhões que toma seu multivitamínico com aveia cheia de fitatos, você estará é cagando um fertilizante de alta qualidade todos os dias. Significa também que tomar pílulas para adquirir sua nutrição é bobagem já que existem interações e armadilhas demais.

4. Seleção de Evidências e Não Ver o Panorama geral.

A ciência estabeleceu que há cerca de 24 vitaminas e minerais essenciais e é fácil ver como um pensamento simplista poderia levar à crença que temos somente de isolar tais substâncias, colocá-las em pílulas e dá-las ao mundo.

Porém, já vimos que isso geralmente não funciona. Pessoas não ficam saudáveis ou se mantém saudáveis por ingerir multivitamínicos. Talvez, apenas talvez, tais nutrientes não sejam feitos para serem ingeridos isoladamente. Talvez eles precisem ser ingeridos via comida para serem realmente efetivos. Talvez o nutriente precise trabalhar em conjunto com alguns (ou talvez todos) os micronutrientes e fitoquímicos intrínsecos à fonte de comida integral para funcionar.

De Onde Eu Devo Ingerir minhas Vitaminas e Minerais?

Comer alguns multivitamícos isolados em forma de pílula pode não fazer muito para garantir saúde, mas ingerir tais vitaminas na forma de mirtilos, bananas ou de um quincã pode ser um bom modo de alimentar seu corpo do jeito que ele precisa. Continuar lendo

Publicado em Nutrição, Saúde | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Os Diversos Usos do Bicarbonato de Sódio

por Larsen Halleck, o original está aqui.

Tradução por Daniel Castro

A androsfera/masculinismo/o que quer que você chame é muitas coisas, a maioria das quais é auto-explicada através dos nomes. Porém, uma faceta notável dessa nova filosofia é, ironicamente, algo que ela compartilha com aquelas que são de esquerda ou de centro:

Isto é, a rejeição da cultura e produtos de grandes corporações. Certamente, nossa rejeição das corporações é levemente diferente da do esquerdista comum (porque sabemos que a grande maioria das corporações são a favor do dogma político esquerdista, combinado ao conhecimento que um homem não precisa de uma quantidade enorme de coisas para ter um estilo de vida satisfatório), mas o resultado é o mesmo.

E com a rejeição de produtos de corporações, a procura de métodos alternativos parece seguir conjuntamente. Claro, eu não estou defendendo medicina alternativa ou outras bobagens que não farão muito por você além de mandá-lo mais cedo para o túmulo, e a maioria dos escritores da androsfera também não.

Ao invés disso, nossa defesa de alternativas é mais do tipo “alternativas baratas e fáceis para produtos comum do dia a dia, para economizar dinheiro e ‘matar o monstro de fome’ (ie: não dar dinheiro para os absurdamente ricos CEOs de empresas)”.

E eu, e muitos outros escritores desta esfera, sentimos que uma das mais baratas e eficientes alternativas para muitas de suas necessidades diárias não é nada mais do que uma caixa humilde de bicarbonato de sódio.

O quê?

Sim, bicarbonato de sódio. Pirata. De longe um dos compostos mais úteis que você pode usar em sua vida, e está encostado por aí em sua casa.

“Ele pode ser usado para quê?” você pode estar se perguntando. Sendo alguém cuja tentativa de fazer bolos não deu certo, eu ainda o uso quase que diariamente. O maior uso que faço é como antitranspirante/desodorante. É o melhor desodorante que já usei: não deixa manchas, absorve o suor, e praticamente não tem cheiro próprio.

Apenas umedeça suas axilas (como eles estão após você sair do banho é suficiente, ou então passe dois dedos molhados debaixo do braço), então coloque um pouco de bicarbonato de sódio em sua mão, do tamanho de uma moeda aproximadamente.

A partir disso, polvilhe suas axilas, e repita no outro lado. Isto não somente é barato e eficiente (a maioria dos desodorantes comerciais têm o bicarbonato de sódio como ingrediente ativo), mas é durável também: eu percebo que dura 24 horas antes de outra aplicação ser necessária.

Image result for baking soda

Mais Usos

Mas manter seu sovaco sem fedor é somente uma das muitas, muitas coisas que o bicarbonato de sódio pode fazer por você. Outro uso que acho relacionado ao uso como desodorante: isto é, é o método mais eficiente de retirar líquidos, manchas, e manchas de líquidos de tecidos.

Para citar um exemplo, meu colega de quarto tem um coelho de estimação, que decidiu marcar nosso sofá como seu território com um grande fluxo de urina. A urina foi absorvida, e cobrimos a mancha totalmente com uma camada de bicarbonato de sódio. Então deixamos por 12 horas, e então usamos um aspirador de pó— bem rapidamente não havia indícios que um coelho havia mijado nele!

Mais? Uma colher de chá de bicarbonato de sódio, misturada com água, pode ser usada como enxaguante bucal. Uma pequena quantidade dele adicionado à pasta de dente pode ser usado para clarear os dentes. É um antiácido que reduz a azia. Ele tira tinta de pincéis. Pode aliviar irritações leves de pele, queimaduras e picadas de insetos.

É um dos melhores limpadores de casas que você pode usar (simplesmente jogue um pouco em superfícies do banheiro e passe um pano úmido), ele limpa prata, desentope pias e até mesmo pode ser usado como repelente de insetos!

Simplesmente, uma caixa de bicarbonato de soda no armário de sua cozinha pode ser uma das coisas mais úteis que você tem. Se você quer economizar dinheiro e boicotar grandes empresas, você não tem motivo para não usar o bicarbonato de sódio.

Publicado em Economia, Saúde | Marcado com , , | 2 Comentários

Proteína é a Coisa Mais Importante da Vida

por Jamie Lewis, o original está aqui.

Tradução por Daniel Castro

Nada me deixa mais chocado do que a constante choradeira de levantadores sobre seus treinos que não evoluem, que são cagados, ou falta de ganhos musculares.  Não é preciso ser gênio para descobrir que o problema é sempre “sua dieta, cara.” Não é só que a dieta deles é horrível, é que eles não comem o suficiente também. Eu não estou me referindo a não fazer uma dieta de bulking– Eu simplesmente me refiro ao fato de que a quantidade de comida que eles consomem seria apropriada para crianças pequenas, modelos emaciadas ou, digamos, homens crescidos com menos de 60 kg que se esforçam para supinar o equivalente a seu peso corporal.

 

Antes de você sair por aí gritando obscenidades para seu monitor num surto de raiva impotente, considere o fato que quase todo grande levantador de peso da história é conhecido por seu apetite pródigo.  Talvez pelo fato que a carga de treino deles fosse duas a três vezes maior do que a do levantador moderno, e eles tivessem que simplesmente comer ou morrer.  Ou talvez porque eles entendessem, ao contrário do atleta moderno, que para ficar grande e levantar pesos massivos, você tem de comer quantidades enormes de comida.

Larry e Vince dizem “Prestem atenção, pequenas pessoas”, do túmulo.

Ao longo dos anos,  eu percebi que o adágio popularizado por Larry Scott e Vince Gironda, de que o treino com pesos ou fisiculturismo são 90% nutrição, parecem ter se tornado um mantra dos idiotas de academia bebendo algo reluzente no meio dela, segurando sua garrafinha bonitinha entre suas mãos enluvadas como se ela fosse um cálice contendo o sangue de um messias judeu a muito tempo morto. Tal adágio se tornou sua justificativa para gastar inumeráveis dólares em suplementos com benefícios dúbios, apesar do fato de que eles não têm músculos apreciáveis e seu melhor exercício é uma rosca concentrada com 10 quilos.  Como resultado, eu tentava não concordar com a crença de Scott, já que eu não percebi que a ideia de uma nutrição adequada estava tão enraizada que eu não pensava conscientemente nela, e eu me esforçava em me distanciar dos garotos com as camisas do Bodybuilding.com.

Enquanto isso, no Reddit…

Isto, é claro, foi tolo da minha parte.  Embora eu escreva extensivamente sobre dietas, eu não acho que fui muito longe para expressar a importância da mesma.  Claramente, o treino e o sono também influenciam nessa equação, mas com comida insuficiente, todo o treino e sono do mundo não vão valer de muita coisa. Então, deixem-me subir no pico da montanha proverbial e declarar para o mundo todo:
A dieta é responsável por pelo menos 50% do sucesso em esportes de força.

O que, é claro, nos deixa com a questão sobre o que isso significa para o atleta médio, a maioria dos quais se confundem facilmente com informações conflituosas e as constantes alegações que “LEVANTADORES NATURAIS NÃO PODEM COMER PROTONZ COMO MACACOS BOMBADOS POR CAUSA DE CIÊNCIA NEBULOSA E ENTRISTECIMENTO GERAL.”  Eles irão atropelá-lo com estudos sobre limpeza de intestinos e retenção de nitrogênio e outras besteiras, a maioria das quais é tão tola que você terá certeza que eles não entendem o que eles estão repetindo (uma boa regra de bolso é que se alguém não consegue explicar algo em termos leigos, eles próprios não a entendem). Além disso, eles não têm conhecimento de história ou arqueologia, então irão afirmar que algo que definitivamente foi provado ser possível é na verdade impossível, porque foda-se o bom senso, os dados históricos e ficar enorme.

George Eiferman (direita), que conseguia supinar 181 kg sem aquecimento, com um peso corporal de 88 kg, e Steve Reeves (esquerda), que podia arrancar 102 kg agachado, e ambos consumiam uma dieta incrivelmente alta em proteínas.

É difícil, senão impossível, encontrar um strongman ou fisiculturista da era pré-esteroides que não valorizava a proteína acima de tudo e a comia em quantidades enormes.  Não falarei sobre a evidência arqueológica que dei anteriormente sobre o fato que os povos mais conquistadores do planeta tinham dietas com muita carne, e sobre o fato que Cro-Magnons comiam a mesma dieta insanamente recheada de carne dos Neandertais, que de acordo com os “gurus” da ciência deveria tê-los matado, e irei direto a exemplos de levantadores que tinham sua dieta baseada em proteínas.

O Trio Saxon

O Trio Saxon era basicamente um Dream Team da virada do século XX das exibições de strongman.  Não somente seus levantamentos eram tão intocáveis como uma mulher com cinto de castidade, mas era impossível comer ou beber mais que eles também.

“Para o café da manhã eles comiam 24 ovos e 1,350 kg de bacon defumado; mingau com creme de leite, mel, marmelada e chá com bastante açúcar. Às 3 da tarde ele jantavam: 4,5 kg de carne eram consumidos com vegetais (mas poucas batatas); frutas doces, cruas ou preparadas, bolos, saladas, pudins, cacau e creme de leite batido e chá bem doce. Ceia, depois do show, eles comiam frios, peixe defumado, muita manteiga, queijo e cerveja.”

“Depois, na Inglaterra, como exibidores, Hermann e Kurt eram parciais a comidas doces e açúcar. Eles tentaram muito ganhar peso, mas apesar dos doces e de um apetite fantástico, muitas vezes consumindo 450 g de manteiga divido entre eles, não conseguiram ganhar peso; às vezes somente algumas libras (NT.: 1 libra =453g) que não conseguiam manter. Arthur, o mais velho, não se importava com doces e manteiga, mesmo quando criança ele não gostava de manteiga. AO invés de manteiga ele usava banha de porco. Hermann e Kurt, além de outras coisas, conseguiam comer 900 gramas de marmelada e meio galão de cacau adoçado desaparecer em uma refeição. Kurt era o que mais comia dos três e no desjejum ele sozinho consumia 24 ovos meio cozidos com 230 gramas de manteiga.

Sua refeição de 3 da tarde consistia em carne frita ou assada, bifes, porco ou órgãos, poucas batatas, muita salada com óleo, assim como era na infância deles. às vezes ele comiam vegetais, mas sempre comiam carne magra. Todos os dias comiam pudins de vários tipos, sempre muito doces. Então eles comiam frutas cruas ou preparadas e não bebiam nada. às vezes, durante um dia da semana, assavam aves, gansos, galinhas ou perus.

 

‘Muitas vezes eu comi um ganso de 5 quilos sozinho,’ Kurt me informou [NdA: Isso são 151 gramas de proteína e 12.000 calorias de uma vez]. Uma vez por semana eles comiam peixe frito ou cozido, muita manteiga e torradas mas nada de batatas. às seis horas ele comiam seu “chá”- principalmente carne moída crua com cebolas cruas, pão alemão e bastante manteiga; às vezes bolos doces e café eram substitutos.

A ceia deles incluía arenques (quando os conseguiam) e eram comidas da mesmas maneira com a qual se acostumaram na infância. Os arenques às vezes eram comidos como se fossem salada, com a maionese deles, feita com ovos crus batidos e óleo. Nunca havia uísque ou brandy em casa. Mesmo quando crianças eles não gostavam de leite e não tomaram gosto por ele. Na hora do chá tomavam creme de leite batido. Não gostavam de ovos cozidos, preferiam ovos poché com bastante manteiga” (Gaudreau).

Isto significa que em apenas duas refeições, cada um desses homens, que pesavam 95 kg ou menos, consumiam pelo menos 64g de proteínas de ovos, 48g de proteína de bacon, e 80g de proteína de carnes. Então, sem contar a poteína advinda das demais comidas, eles consumiam quase 200 gramas de proteína, então tinha o “chá” com hamburger cru e cebolas, e a enorme refeição com muita carne e queijos depois do levantamento de pesos.

Larry Scott

Continuar lendo

Publicado em Saúde | Deixe um comentário